A qualidade da água é um conjunto de características físicas, químicas e biológicas que ela apresenta, de acordo com o a sua utilização. Os padrões de classificação mais usados pretendem classificar a água de acordo com a sua potabilidade, a segurança que apresenta para o ser humano e para o bem estar dos ecossistemas.

Assim, de acordo com a sua utilização, existe um conjunto de critérios e normas para a qualidade da água, que variam com a sua finalidade, seja ela consumo humano, uso industrial ou agrícola, lazer ou manutenção do equilíbrio ambiental.

  •     Poluição da água

  •     Águas residuais

  •     Modelos de qualidade da água

 

Poluição da água

Poluição da água é a degradação da qualidade da água a ponto de:

  •     Prejudicar a saúde, a segurança e o bem-estar da população;

  •     Criar condições adversas às atividades sociais e econômicas;

  •     Afetar desfavoravelmente a biota( conjunto de todos seres vivos de um determinado ambiente ou de um   determinado período.);

  •     Afetar desfavoravelmente as condições estéticas ou sanitárias do meio ambiente;

  •     Lançar matérias ou energia em desacordo com os padrões ambientais

Contaminação é um caso particular de poluição. Contaminação refere-se à introdução, no meio ambiente, de qualquer produto ou organismo, em concentrações nocivas à vida animal e vegetal. Isto significa que um ambiente contaminado é um ambiente poluído, mas a recíproca não é necessariamente verdadeira. Por exemplo, pode poluir mananciais, com o lançamento de água salobra, e pode-se contaminar mananciais, com lançamento de esgotos domésticos.

 

Águas residuais

Águas residuais vulgarmente denominada de Esgoto é o termo usado para as águas que, após a utilização humana, apresentam as suas características naturais alteradas. Conforme o uso predominante: comercial, industrial ou doméstico essas águas apresentarão características diferentes e são genericamente designadas de esgoto, ou águas servidas.

A devolução das águas residuais ao meio ambiente deverá prever, se necessário, o seu tratamento, seguido do lançamento adequado no corpo receptor que pode ser um rio, um lago ou no mar através de um emissário submarino.

As águas residuais podem ser transportadas por tubulações diretamente aos rios, lagos, lagunas ou mares ou levado às estações de tratamento, e depois de tratado, devolvido aos cursos d'água.

O esgoto pluvial ou, simplesmente, água pluvial pode ser drenado em um sistema próprio de coleta separado ou misturar-se ao sistema de esgotos sanitários.

O esgoto não tratado pode prejudicar o meio ambiente e a saúde das pessoas. Os agentes patogênicos podem causar doenças como a cólera, a difteria, o tifo, a hepatite e muitas outras.

A solução é um sistema adequado de saneamento básico que pode ou não incluir uma Estação de Tratamento de Águas Residuais, conforme o caso a ser estudado.

 

Modelos de qualidade da água

São modelos físico-químico-biológicos utilizados para a estimativa e previsão da qualidade da água. São construídos através da implementação computacional de várias formulações de processos que afetam a concentração de poluentes em corpos de água (rios, lagos, reservatórios, etc.), associando a modelação hidrológica à modelação dos processos químicos e microbiológicos.

  1. SIMCAT

  2. PC-QUASAR

  3. MIKE 11

  4. SisBAHIA

  5. QUAL2K

  6. WASP

  7. CE-QUAL-W2

  8. HSPF